.

.

15 de junho de 2016

Tablets dinamizam o trabalho dos Agentes Comunitários de Saúde no Paulista

Depois de passar por um período de treinamento, os Agentes Comunitários de Saúde (ACS) do Paulista começam a usar nesta quinta-feira (16.06) os tablets adquiridos pela gestão municipal. O equipamento, que vai dinamizar o trabalho dos profissionais nas comunidades, será utilizado pela primeira vez durante as visitas domiciliares no bairro de Arthur Lundgren I. A ação terá início, às 09h, em frente à Unidade Básica de Saúde (UBS) da localidade, que fica na Rua Belo Jardim, ao lado da Associação de Moradores.

Com o apoio da ferramenta tecnológica, os ACSs vão poder registrar os dados da população em tempo real, criando um banco de informações sobre a cobertura da unidade de saúde. Isso vai permitir que as Equipes de Saúde da Família (ESF) conheçam ainda melhor o território e desenvolvam ações específicas para os usuários do SUS da localidade. Antes, as fichas preenchidas manualmente eram digitadas na Secretaria de Saúde da cidade e, posteriormente, enviadas ao Ministério da Saúde.

Os tablets adquiridos pela prefeitura também dispõem de um moderno software que indica a localização exata da casa visitada pelo agente. Desta forma, será possível identificar, por exemplo, se naquele território existe alguma área descoberta pelos serviços de saúde. O georreferenciamento também vai viabilizar que a assistência necessária chegue às comunidades de uma forma mais rápida e eficaz.

Nesta ação, a gestão municipal está investindo R$ 115 mil por mês – recursos provenientes do tesouro municipal e do Programa Nacional de Melhoria do Acesso e da Qualidade da Atenção Básica (PMAQ-AB), do Ministério da Saúde. Ao todo, 600 tablets foram distribuídos aos ACSs da rede.

Nenhum comentário:

Postar um comentário