.

.

24 de setembro de 2016

Lupércio explica gasto com campanha e desmente acusações

O deputado estadual e candidato à Prefeitura de Olinda, Professor Lupércio, afirma que a prestação de contas da sua campanha está dentro da normalidade. O postulante explica que tem até o dia 30 de novembro para angariar recursos e realizar os pagamentos relativos à campanha.

Os gastos com a gráfica, que são os mais volumosos da campanha, estão programados para serem pagos no início de novembro. O assunto foi anteriormente acordado com o prestador de serviços gráficos. Além disso, a grande maioria da militância do Professor é voluntária, o que está assegurado através de contratos.

Em relação à quantia doada, Professor Lupércio esclarece que o partido já liberou outros R$20 mil para a campanha. Tanto essa verba quanto os outros R$ 20 mil que estão na conta não podem ser utilizados devido à greve das agências bancárias. Isso porque a conta eleitoral não disponibiliza cartão, sendo movimentada apenas através de cheques - que estão presos na agência - e de transferências. Por conta da paralisação, ambas as transações estão impossibilitadas de serem realizadas.

Professor Lupércio tem um passado íntegro, vem de uma família humilde e iniciou sua trajetória política de baixo. Foi militante estudantil, auxiliar de serviços gerais da Prefeitura do Recife, vereador de Olinda por dois mandatos e hoje é deputado estadual. Em todo esse tempo, além de receber a aprovação nas urnas por parte da população, o postulante não possui contas rejeitadas e nem questionadas. 

Lupércio diz que está evitando entrar no jogo sujo dos adversários: “Minha ficha é limpa. Em 16 anos de política, minha honestidade nunca foi questionada. Mas não vou entrar nesse jogo, nessa política de baixaria. Nossa campanha é transparente, com apresentação de propostas e nos colocando como opção para melhorar a cidade. Por isso, estamos sendo muito atacados. Mesmo com um único partido, o crescimento do Professor Lupércio é notório. A nossa coligação é com Deus e com o povo de Olinda”, afirmou Lupércio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário