.

.

27 de setembro de 2016

Paulo Câmara: "Estamos avançando e superando, a cada ano, os índices alcançados na educação"

Em ato solene no Palácio do Campo das Princesas, foram premiados seis municípios, dez escolas e três Gerências Regionais que alcançaram os melhores índices da educação básica estadual

Planejando, investindo, acompanhando e, sobretudo, reconhecendo. É dessa forma que o Governo de Pernambuco tem trabalhado para reforçar a educação no Estado, que vem se destacando cada vez mais como o que possui o melhor ensino público do País. E mais uma etapa desse processo foi cumprida nesta terça-feira (28.09), com a premiação dos gestores, professores e estudantes da Rede Estadual que mais se destacaram no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica de Pernambuco (IDEPE) no ano de 2015. Comandada pelo governador Paulo Câmara, a solenidade - realizada no Palácio do Campo das Princesas - agraciou seis municípios, dez escolas e três gerências regionais que obtiveram os melhores resultados nos anos iniciais e finais do Ensino Fundamental e do Ensino Médio. A nota média do IDEPE para 2015 foi de 3,9, se igualando ao índice nacional, o IDEB, divulgado pelo Ministério da Educação.

“O resultado do IDEPE é muito importante porque ele faz a avaliação de todas as escolas do Estado. Há um acompanhamento detalhado e intensivo, diferente do IDEB que é uma avaliação mais geral. E ambos mostraram os mesmo resultados: que estamos avançando e superando, a cada ano, os índices alcançados na educação”, pontuou Paulo Câmara. O gestor afirmou ainda que é preciso dar continuidade ao trabalho realizado com o mesmo empenho e determinação dos últimos anos. “O Governo não vai se acomodar com os resultados conquistados até agora. Ainda há muito o que ser feito e nós vamos continuar trabalhando juntos para superar os desafios e ter condições de melhorar cada vez mais a qualidade do ensino em todo o Estado. A nota que recebemos é satisfatória, mas não é a que queremos para as próximas gerações”, frisou. 

Entre os municípios, receberam certificados os três que mais se destacaram nos anos iniciais do Ensino Fundamental, assim como os três melhores colocados nos anos finais dessa categoria. Já na Rede Estadual, os certificados foram para as cinco escolas com melhores índices nos anos finais do Ensino Fundamental e para as cinco melhores no Ensino Médio. Entre as GREs, foram premiadas as três com melhor colocação no Ensino Médio.

Para o secretário estadual de Educação, Frederico Amâncio, o ato é mais uma forma que o Governo encontrou de reconhecer e valorizar o esforço dos que fazem a educação de Pernambuco. “Esse resultado mostra que as nossas escolas estão efetivamente avançando e alcançando notas muito mais altas do que em anos anteriores. A maioria das nossas escolas tiveram notas acima de 6,0, e isso é muito positivo. Estabelecemos uma estratégia que vem dando muito certo e que, inclusive, serve de exemplo para todo o Brasil. Essa elevação do bom desempenho nos anima a cumprir as próximas etapas e continuar avançando”, salientou o secretário. 

Ao comemorar a primeira colocação entre as melhores GRE do Estado, a gestora da Gerência Vale do Capibaribe, Edjane Ribeiro, dedicou a conquista a todos os colegas que compõem a Rede de Ensino da região. “Um momento como esse é muito gratificante para qualquer gestor. É um trabalho intenso, mas gratificante. E os professores são os maiores merecedores dessa premiação, que, com certeza, vai estimular ainda mais o trabalho eficiente que está sendo realizado”, declarou.

IDEPE - Realizado anualmente, o ranking do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica de Pernambuco acompanha o desempenho da educação pública no Estado e considera dois critérios, os mesmos usados para o cálculo do índice nacional (IDEB). São eles: fluxo escolar e proficiência dos estudantes do Ensino Fundamental (anos iniciais e finais) e do Ensino Médio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário