.

.

26 de fevereiro de 2017

Paulo Câmara chama responsabilidade, e segurança Impera durante desfile do Galo da Madrugada

O governador Paulo Câmara deu mais uma vez, sinais de comprometimento com a população neste sábado (25.02) quando se iniciou as festas de momo no estado. Depois de várias ameaças de greve, o gestor chamou a responsabilidade para sim e não colocou culpa em outros pelo o aumento da insegurança no estado. Na manhã deste sábado, depois de vários protestos e rumores que PMs iriam realizar uma greve durante o desfile do Galo da Madrugada, o Governador amanheceu na sede do Centro Integrado de Operações de Defesa Social (Ciods), no bairro de São José, onde se reuniu com secretários estaduais, comandantes das polícias Militar e Civil e os chefes de todos os órgãos envolvidos com a segurança pública estadual.


Na ocasião, o governador afirmou que repetirá o encontro durante todos os dias de Carnaval para acompanhar os trabalhos realizados no Estado. “Fizemos um bom planejamento, eficiente, que vai, com toda a certeza, deixar os foliões mais tranquilos para brincar com suas famílias e amigos. Não vamos deixar que nada atrapalhe o ir e vir das pessoas e nem tire o brilho dessa linda festa que tanto nos orgulha. Mostramos ao Brasil e ao mundo a força do Carnaval de Pernambuco. O melhor, maior e mais democrático Carnaval do Brasil”, defendeu o governador.

SEGURANÇA – No maior bloco carnavalesco do mundo, o efetivo de segurança contou com 4.254 profissionais (sendo 3.106 PMs). Agentes descaracterizados estiveram entre os foliões, para agir de imediato em caso de necessidade. Já para atender toda a programação carnavalesca, serão 31.213 lançamentos de policiais e bombeiros militares, distribuídos na Região Metropolitana do Recife (RMR) e no Interior.

Para acompanhar em tempo real a Folia de Momo, está em funcionamento, desde o dia 24 de fevereiro e segue até 1º de março, o Centro de Operações do Carnaval, no Centro Integrado de Comando e Controle Regional – CICCR, localizado no bairro de São José. Toda a logística de monitoramento funciona de forma integrada à SDS e diversos órgãos, como as polícias Federal e Rodoviária Federal, DER, Prefeitura do Recife, Consórcio Grande Recife e Metrorec. Ao todo, o Desfile do Galo contou com 30 câmeras espalhadas durante o percurso, e outras 495 monitoram toda a RMR.

Nenhum comentário:

Postar um comentário