.

.

Quinta do Beijo na Cinesytem

Quinta do Beijo na Cinesytem

31 de março de 2017

Serviços Públicos elimina ponto de lixo para transformar local em espaço de lazer

Uma parceria, que assim como todas as outras, quem ganha é sempre a população. É o caso bastante exitoso de um projeto criado pela ONG Voz da Favela (VDF), do bairro do Engenho Maranguape, que junto com a Secretaria de Serviços Públicos do Paulista, vai transformar um local que antes era um ponto de acúmulo de lixo, em uma área de lazer e convivência para população. O Campo do Vila Nova, como é conhecido, passou por obras de terraplanagem, e em breve vai contar com equipamentos como uma quadra, um minicampo e uma praça. Nesta sexta-feira (31.03), antes do início da obra, educadoras ambientais realizaram o trabalho de conscientização, alertando para os dias da coleta do lixo. 

Para o técnico em eletrônica e informática, Fábio Silva, que é o presidente da VDF, é uma grande conquista para a comunidade da rua do Campo. “Antes aqui tinha um ponto de lixo, que quando chovia era muita lama, a comunidade tinha dificuldade. O carro não subia, quando chovia. Há mais de 25 anos que existia um campo, mas sem atividade, era um espaço que não tinha utilidade para nada. Então, a gente elaborou o projeto do minicampo, a quadra e a praça. E com certeza vai melhorar para a comunidade, que antigamente vivia no lixo, e agora vai ter uma área de lazer que antes não tinha”, declarou. 

O pedreiro Fernando Eduardo da Silva, de 35 anos, que também faz parte do Voz da Favela, disse que essa é a realização de um sonho antigo da população. “A gente que é nascido e criado aqui, vive essa dificuldade e agora vemos a realização desse sonho. Só temos a agradecer, pois com a união de nossa comunidade, deixamos de ser aquela criança que passou por essa dificuldade, e hoje somos pais que vamos poder mostrar isso para nossos filhos e netos, e isso não tem preço”, declarou ele. 

Lembrando uma fala conhecida do prefeito Junior Matuto, o secretário de Serviços Públicos, Jaime Domingos, ressaltou que o trabalho consiste em “dar vida à vida das pessoas”. Ele explicou que o objetivo é transformar o local em um ambiente agradável para a comunidade. “Aqui era uma área abandonada e a gente tirava duas carradas de entulho por semana. E em parceria com a comunidade, em parceria com o pessoal do Voz da Favela, iremos fazer esse mutirão e transformar isso aqui num ambiente agradável, com quadra de futevôlei e uma área recreativa para as crianças. Esse é o nosso objetivo, e nós também alteramos a coleta do lixo, justamente para não ter esse ponto de lixo mais aqui”, disse o secretário.

Nenhum comentário:

Postar um comentário