.

.

Quinta do Beijo na Cinesytem

Quinta do Beijo na Cinesytem

24 de abril de 2017

Já estão abertas as inscrições para o Concurso de Registro do Patrimônio Vivo de Pernambuco

Já estão abertas as inscrições do XII Concurso de Registro do Patrimônio Vivo de Pernambuco. Criado em 2005, o concurso objetiva reconhecer e valorizar, através de concessão do título de “Patrimônio Vivo”, mestres e grupos ligados a diferentes manifestações da cultura tradicional e popular representativas da cultura pernambucana. Além do título de reconhecimento, tem ainda a concessão de bolsas vitalícias de apoio financeiro, no valor de R$ 1,6 mil mensais para pessoa física e R$ 3,2 mil mensais para os grupos culturais, garantindo dessa forma, que os artistas repassem seus conhecimentos às novas gerações de aprendizes.


Podem se inscrever para o referido concurso pessoas físicas ou grupos culturais, constituídos juridicamente ou não, desde que apresentem a seguinte documentação – formulário de inscrição devidamente preenchido, que está disponível no site da Fundação de Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco, FUNDARPE – www.cultura.pe.gov.br/patrimonio.

Para pessoa física, o interessado deve apresentar a seguinte documentação: RG; Comprovante de residência com mais de 20 anos de domicílio em Pernambuco; Currículo e comprovante de renda. Já para os grupos culturais, é necessário apresentar Comprovante de existência do grupo ou entidade cultural há mais de 20 anos atuando no Estado; Comprovação de apoio; promoção ou execução de atividades culturais há mais de 20 anos; ata de constituição da entidade civil, quando dotada de personalidade jurídica; estatuto social; ata da eleição da posse da atual diretoria; cartão do CNPJ, com validade em vigor; e comprovação ou declaração estimada de renda.

O artista ou grupo cultural poderá ser indicado ao Registro de Patrimônio Vivo de Pernambuco pelo Secretário de Cultura do Estado; pelo Conselho Estadual de Preservação do Patrimônio Cultural; Assembleia Legislativa; pelas Prefeituras Municipais; Câmara de Vereadores e pelas entidades sem fins lucrativos, sediadas no estado, pelo menos há dois anos nos termos da lei civil e que incluam, entre as suas finalidades, a proteção do patrimônio cultural ou artístico estadual. É vedada a auto indicação. Cada entidade proponente só poderá apresentar uma indicação por edição.

A inscrição já está disponíveis até dia 05 de maio, no horário das 09h às 16h, na FUNDARPE, na Gerência de Preservação Cultural, localizada na Rua da Aurora 463/469, Boa Vista, Centro do Recife.

Nenhum comentário:

Postar um comentário