.

.

29 de maio de 2017

Professores do Paulista participam de Seminário “Currículo e Práticas Docentes”

Fomentar a construção de diretrizes curriculares para a Educação Básica da Rede Municipal de Ensino do Paulista, esse é o grande objetivo do Seminário “Currículo e Prática Docente”, que teve início no último dia 17 de maio, e encerrou nesta segunda-feira (29). O evento contou com a participação total de cerca de 400 professores da rede municipal, abrangendo docentes da educação infantil ao 9º ano, e Ensino de Jovens e Adultos (EJA). Os encontros aconteceram no Centro de Formação de Professores do Paulista, no bairro da Aurora.

Além do seminário, os professores que participaram das discussões também terão acesso a uma plataforma digital online, na qual eles poderão fazer as complementações acerca do tema, já a partir do final do mês de junho. Findado o prazo para que eles entrem no sistema para colaborar com a construção dessa matriz curricular, o material será organizado para criar a proposta que será entregue aos professores. 

De acordo com a professora e gerente pedagógica Marilúcia Francisca, as discussões têm sido bastante proveitosas, sobretudo porque o que tem sido discutido não é somente o currículo em si, mas também a prática em sala de aula. Para ela, é importante debater melhorias e mudanças no atual modelo. “Paulista já saiu na frente nessa discussão sobre a organização das matrizes curriculares do nosso município, pois nós temos a nossa base curricular que foi feita de 2010 a 2012. E a gente está discutindo para trazer uma nova proposta para a rede, focado com a BNCC, que é a Base Nacional Comum Curricular”, explicou Marilúcia.

Segundo Marilene Rosa, essa proposta de atualizar a matriz curricular e as práticas docentes traz diversos benefícios. “A proposta de atualizar a rede pode beneficiar e muito, como por exemplo, a construção e elaboração de outras políticas públicas como a formação continuada de professores, além da questão da avaliação e também do acompanhamento de professores em sala de aula. Então, assim, a partir de uma política pública, que é essa que estamos trabalhando, ela deve desencadear outras políticas públicas dentro do município”, detalhou Marilene.

Dentre os professores que participaram das discussões esteve Andréa Alessandra Cavalcanti, de 45 anos. Ela já ensina na rede municipal há 11 anos. “Essa atualização do currículo é uma forma de a gente abordar com assuntos atuais, com a preparação para melhorar cada vez mais o ensino da rede. E uma forma de fazer isso é revisar o currículo, para sempre se reciclar e inserir isso no cotidiano dos alunos”, disse a professora.

Nenhum comentário:

Postar um comentário