.

.

Cinesytem

20 de junho de 2017

Sesi dá dicas de alimentação para um São João saudável

O programa Alimentação Saudável na Indústria, do Serviço Social da Indústria em Pernambuco (Sesi/PE), dá dicas para ajudar as pessoas a aproveitar os festejos juninos sem peso na consciência ou na balança. A equipe orienta como pequenas alterações no preparo das comidas ou na forma do consumo pode tornar os quitutes acessíveis até para quem tem restrições alimentares e ainda trazer benefícios à saúde.


De acordo com a nutricionista da entidade, Lídia Bandeira, pequenas alterações como substituir o açúcar pelo adoçante, o leite integral pelo desnatado ou por um leite vegetal, como o de coco, a farinha branca pela integral, acrescentar linhaça, aveia e canela em pó às preparações podem tornar as receitas tradicionais em diet, light ou mais saudáveis, possíveis de serem consumidas por pessoas que fazem dieta, diabéticos e celíacos (pessoas que possuem alergia ou intolerância ao glúten). Reduzir a quantidade de sal e gordura dos alimentos tradicionais como a canjica, pamonha e cocada também estão ao alcance de todos e tem um resultado muito benéfico à saúde, principalmente dos hipertensos.

Já entre os alimentos que favorecem o bom funcionamento do organismo, a nutricionista do Sesi chama a atenção para o milho cozido. “Ele é uma das opções mais saudáveis da festa, porque possui alto teor de fibras, ferro, potássio e vitaminas A e C e 100 gramas do alimento apresenta apenas 100 calorias, ou seja, baixo valor calórico. Uma excelente escolha para quem deseja manter a forma”, explica. “Deve-se apenas ter cuidado ao acrescentar sal e manteiga para não deixar o alimento mais calórico e perigoso”, adverte Bandeira. Outro alimento que deve ter a preferência dos consumidores é a pipoca, pois “é rica em fibras e polifenóis, que ajudam a eliminar os radicais livres do organismo e ainda proporciona saciedade”, conta. Lídia recomenda que “o melhor modo de preparo é estourar as pipocas na panela com pouco óleo e evitar as de micro-ondas, que possuem muitos condimentos, gordura vegetal e sódio”.

“Nosso intuito é mostrar como as pessoas podem cuidar da saúde sem precisar se privar dos prazeres de uma alimentação saborosa”, conclui Bandeira. Ela lembra que interessados perder peso, prevenir ou controlar doenças crônicas como hipertensão, diabetes, restrições alimentares, podem receber toda orientação nutricional com a equipe do Sesi. Para isso, basta agendar a consulta no Sesi Clínica, no Espinheiro, ou na Unidade do Ibura. Já as empresas podem contratar o programa Alimentação Saudável na Indústria, que possui um atendimento personalizado. Mais informações 0800.600.9606 ou pelo e-mail falecomsesi@pe.sesi.org.br.

Nenhum comentário:

Postar um comentário