.

.

5 de setembro de 2017

Equipe da USF José Borges de Souza II realiza caminhada para incentivar a prática de hábitos saudáveis

Os usuários da USF José Borges de Souza II, localizada no bairro da Alameda Paulista, participaram de uma atividade diferente nesta terça-feira (05.09). Ao invés do atendimento com a equipe da unidade, os idosos, adultos e adolescentes que frequentam o serviço se juntaram aos profissionais para fazer uma caminhada pelas ruas do bairro. A ideia do grupo foi chamar a atenção dos demais moradores para a importância dos exercícios físicos na busca por hábitos saudáveis. A iniciativa contou com o apoio da gestão municipal, por meio da equipe da Secretaria de Saúde.


O ponto de partida da caminhada foi a Avenida Dois, onde funciona a unidade de saúde. De lá, os participantes seguiram juntos até a Praça da Jaguarana. “Percebemos que muitos usuários do nosso posto precisavam fazer exercícios físicos para melhorar a saúde, principalmente, os participantes do grupo hiperdia. Por isso, tivemos a ideia de reunir todo mundo para fazer essa caminhada. A partir de agora, essas atividades serão constantes”, explicou a enfermeira responsável pela USF José Borges de Souza II, Elisângela Martins. 

A pensionista Sônia Mendonça, que reside na comunidade, é um exemplo de vitalidade. Aos 60 anos de idade, ela sabe dos benefícios da atividade física para quem cuida da saúde. “Sempre tive uma vida muito ativa, faço caminhada, exercício com o professor Nascimento. E agora estou fazendo atividade aqui com o pessoal do posto para incentivar as outras pessoas. Eu tenho visto muitas gente parada, sedentária, e isso é muito ruim. Tem alguns vizinhos meus que tem até vergonha de participar, mas eu tenho chamado e vou continuar convidando o pessoal”, comentou.

Sempre presente nessas atividades, Priscila Costa, que atua como apoio institucional da Superintendência de Atenção à Saúde do município, explicou que esse trabalho de promoção do bem-estar conta com o envolvimento da equipe do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (Nasf) e do programa Saúde em Movimento. “O sedentarismo provoca uma série de doenças, como as que estão sendo identificadas pelas nossas equipes. Além dos problemas hepáticos e cardíacos, estamos conseguindo identificar casos de depressão. Por isso, essa iniciativa da equipe de José Borges é tão importante, não somente para os usuários, mas para os profissionais que trabalham na rede”, frisou.

Atualmente, a USF José Borges de Souza II possui 1,3 mil usuários cadastrados com problemas de saúde relacionados à hipertensão e diabetes. Esse grupo tem sido convidado pelos Agentes Comunitários de Saúde (ACS) para participar das atividades do hiperdia. As reuniões acontecem todas as quintas. A expectativa é de que as demais atividades ocorram sempre às terças.

Nenhum comentário:

Postar um comentário