.

.

27 de setembro de 2017

Menino de seis anos de idade necessita de transplante de medula óssea

A vida do garotinho Heitor Ferreira, de apenas seis anos, depende de um transplante de medula óssea. Amigos, familiares e o poder público estão realizando um movimento no sentido de viabilizar um transplante para o menino. Nesta sexta-feira (29.09), a partir das 9h, a Prefeitura de Olinda e o Hemope realizam o cadastro de pessoas e a coleta de amostras para doação de medula. A ação será no Colégio Jerônimo Albuquerque, localizado na Avenida Nápoles, na 4ª Etapa, Rio Doce, Olinda. A iniciativa faz parte faz parte da campanha dos Caçadores de Medula e Todos Por Heitor.


Conheça o Heitor:

O menino está internado no Instituto de Medicina Integral Professor Fernando

Figueira (Imip). Os interessados em ajudar podem entrar em contato com o pai do garoto, Almir Ferreira, pelo número 9.8557-4904.

Requisitos pra ser doador de medula:

Qualquer pessoa entre 18 e 55 anos com boa saúde.

Os candidatos à doação assistem a palestras e vídeos educativos, depois assinam um termo de consentimento para doar. Todas as dúvidas deverão ser esclarecidas antes da assinatura.

Assinar o termo de consentimento significa que o doador concorda em dar prosseguimento ao processo e que tem a intenção de doar.

Os doadores preenchem um formulário com dados pessoais e é coletada uma amostra de sangue para testes de histocompatibilidade (HLA).

É indispensável apresentar um documento original com foto, ter o conhecimento do número do CPF e levar o CNS (Cartão Nacional de Saúde), caso possua.

Nenhum comentário:

Postar um comentário