.

.

30 de outubro de 2017

Estudante inicia campanha na internet para ter condições de custear tratamento de saúde no exterior

Uma moradora do bairro de Maranguape I iniciou uma campanha na internet para arrecadar dinheiro com o proposito de realizar um tratamento de saúde no exterior. A estudante de enfermagem, Ana Tenório, 20 anos, foi diagnostica, em 2015, com Lúpus – uma doença autoimune crônica, inflamatória e sistêmica que causa dores pelo corpo e compromete o sistema imunológico. Enfrentando problemas com o tratamento nas unidades estaduais de saúde e sem ter condições financeiras para buscar ajuda fora do país, ela pede o apoio da população.

“Infelizmente, meu tratamento está enfrentando dificuldades. Sou acompanhada pelo SUS, e sou grata aos médicos que me acompanham, pois, fazem de tudo para driblar as falhas do nosso sistema público de saúde, porém, não tem sido suficiente. A demora nas solicitações e resultados de exames básicos, a falta de recursos e de medicações nas farmácias populares, somado a própria deficiência que a doença me causa me levou a procurar o tratamento em outro país. Na Itália. Lá terei mais chances de me recuperar e ter uma vida normal: retomar minha faculdade e poder trabalhar”, vislumbrou a estudante.

Em função da doença, Ana Tenório precisou se adaptar a uma nova realidade. “Ainda tenho 20 anos, e me sinto totalmente dependente da ajuda da minha mãe, que faz de tudo para dar o básico do sustento que preciso. Só quem vive com dor crônica sabe do que estou falando. E isso me impede de ter uma vida normal. Eu poderia simplesmente me encolher na cama o dia todo, mas não. Eu quero viver”, desabafou.

A jovem de Maranguape I acredita que precisa angariar aproximadamente 30 mil para iniciar o tratamento e se manter por um período de pelo menos dois anos fora do país. “Creio que ter saúde é meu primeiro passo, mas não é da noite para o dia que se muda de país. Sei que há muito para me organizar, e preciso muito de pessoas que acreditem no meu sonho, e que estejam dispostas a me ajudarem com recursos financeiros. Como ainda estou em crise, não posso trabalhar quando chegar lá. Sendo assim, o dinheiro que preciso é para me manter lá, principalmente, no tempo do tratamento com a quimioterapia”, destacou.

Quem estiver disposto a ajudar a estudante Ana Tenório ou saber mais sobre a história dela, pode entrar em contato pelo e-mail da jovem: anynhatenorio@gmail.com. A conta para depósito de qualquer valor é da Caixa Econômica Federal. Agência: 0944 (023) / Conta: 00028666-6. Outro meio é pela página no site "vakinha.com.br". Segue o link:https://www.vakinha.com.br/vaquinha/aninha-rumo-a-italia

Nenhum comentário:

Postar um comentário