.

.

4 de abril de 2018

Banda Aristides Borges se torna a segunda sinfônica do estado de Pernambuco

"Hoje é um dia de vitória e um momento mais que especial para nós, que há 17 anos, lutamos por isso. Nosso sonho sempre foi transformar a Banda Municipal Aristides Borges da Silva em Banda Sinfônica. Finalmente, graças à força do prefeito Junior Matuto, Paulista passa a ter a segunda banda sinfônica do estado”. Essas foram as palavras emocionadas do maestro Leonildo Araújo, durante a votação do Projeto de Lei n° 1.930/80, do Executivo Municipal, aprovado por unanimidade, nesta terça-feira (03.04), no Plenário da Câmara dos Vereadores do Paulista.


Com a mudança, aos poucos, o quadro de músicos da banda terá que aumentar de 26 para 46 componentes. O grupo também passará a contar com mais três instrumentos obrigatórios de percussão, são eles: o oboé, o fagote e um par de tímpanos. Segundo o maestro Leonildo Araújo, essa mudança será realizada aos poucos e o intuito é deixar o grupo cada vez mais alinhado com a grande transição.

“A partir desse nosso novo título vamos seguir trabalhando para nos aperfeiçoar cada vez mais. Ainda nessa gestão pretendo estar com nossa banda totalmente modificada e atendendo as exigências propostas”, ressaltou. O maestro acrescentou também que os arranjos exigidos para uma banda de música são mais simples, já na sinfônica, os arranjos são voltados para composições clássicas.

“A Banda Aristides Borges é considerada sinfônica, por nós, há bastante tempo. Aqui estamos falando de arte, de profissionalismo e principalmente de políticas públicas voltadas para a população. É uma satisfação imensa termos esse grupo na nossa casa e é destacando isso que nós estamos dando um passo importantíssimo na valorização da cultura, do nosso povo e da nossa cidade”, disse o presidente da Câmara, Fábio Barros.






Nenhum comentário:

Postar um comentário