.

.

26 de junho de 2018

Agentes Comunitários de Saúde do Paulista recebem camisas de proteção UV

Só quem trabalha no sol sabe o quanto é difícil lidar com as altas temperaturas. A exposição diária da pele ao calor cansa, desidrata e pode até provocar doenças graves. Para se proteger a Agente Comunitária de Saúde do Paulista, Jaciete Valério, 54 anos, tem uma receita simples. Atuando há duas décadas nas ruas de Paratibe, ela não sai de casas para trabalhar sem o chapéu e a sombrinha. O pior é que nem sempre isso é suficiente. Na tarde desta terça-feira (26.06), após voltar das atividades em campo, ela ganhou da Secretaria Municipal de Saúde mais uma aliada contra os raios ultravioletas: camisas de proteção UV.

“Eu não sei se vou deixar o chapéu e a sombrinha em casa, mas que essa camisa UV vai me deixar bem tranquila no sol não tenho dúvida. O melhor é que me protegendo terei saúde para trabalhar”, comentou a servidora, que também fez questão de elogiar a ação do município. “A prefeitura está de parabéns com essa entrega das camisas. Acho uma ação muito positiva, afinal, desde que estou trabalhando aqui nunca recebi uma camisa dessas”, frisou.

A entrega do EPI (Equipamento de Proteção Individual) foi realizada pela secretária de Saúde do município, Fabiana Bernart. A gestora fez questão de participar do ato simbólico na USF Paratibe. Após um breve discurso de agradecimento pelo desempenho da equipe da unidade, a secretária fez a distribuição dos EPIs. Todos os 12 ACSs que atuam no posto foram contemplados.

“Fizemos questão de fazer essas camisas de proteção UV por entender que são profissionais que atuam em campo na exposição ao sol. Por se tratar de uma malha leve, vai ajudar bastante no dia a dia de todo mundo. Tinha sido até um pedido deles, mas inicialmente a ideia foi da gestão. E é uma proposta inovadora do município que deve ser adotada, inclusive, por outras cidades”, argumentou Fabiana Bernart.

A distribuição do EPI vai ocorrer em todas as unidades da rede municipal, beneficiando 625 trabalhadores que atuam em campo. Um cronograma foi montado pela Secretaria de Saúde e deve ser concluído até a próxima segunda-feira (02.07). Na semana passada, os Agentes de Combate às Endemias (ACEs) do município também foram contemplados com as camisas. Todos os 766 profissionais que compõem as duas categorias receberam duas cada um.

PROTETOR SOLAR – A Secretaria Municipal de Saúde deve encaminhar nos próximos dias à Câmara de Vereadores um Projeto de Lei que diz respeito a outro item fundamental para quem trabalha na exposição sol. A ideia da gestão municipal é destinar um auxílio financeiro (pecúnia) aos ACSs e ACEs para que eles possam comprar por contra própria o protetor solar. Atualmente, o município compra e distribui o produto. Com a mudança, o agente passa a ter mais autonomia na escolha por um protetor de sua preferência.

Nenhum comentário:

Postar um comentário