.

.

26 de julho de 2018

Após visita a Lula, Gleisi reafirma condição para apoiar o PSB em Pernambuco

Foto: Moreira Mariz Agência Senado
Blog da Folha

Após visitar Lula na superintendência da Polícia Federal em Curitiba, nesta quinta (26), a presidente nacional do PT, Gleisi Hoffmann, falou sobre as negociações eleitorais com o PSB, inclusive em Pernambuco. De acordo com a petista, as conversas avançam, mas a aliança com os socialistas nos estados ainda está condicionada à formalização do apoio à candidatura do ex-presidente. 


“Estamos fechando alguns estados. O PSB adiou convenção para se posicionar. Sou otimista com as conversas que estamos tendo. Se tivermos aliança nacional com o PSB, vamos formalizar a aliança com o PSB de Pernambuco. Temos um projeto nacional. O que muda a vida das pessoas é a política nacional. A nossa prioridade está muito explicita é disputar a eleição presidencial com lula e ganhar.

No encontro com Lula, Gleisi relatou como andam essas tratativas. “Ele tem o maior respeito pelo PSB e PCdoB. Lembrou que tinha orientado neste sentido, para avançar com a frente de esquerda. Está de acordo com o que o partido está fazendo”, relatou.

A petista ainda comentou a desistência de Josué Alencar de disputar a vaga de vice pela chapa presidencial de Geraldo Alckmin (PSDB). “Ele é amigo do Josué, filho de José Alencar. Tem um carinho muito grande. Mas obviamente ele está filiado a um partido que já definiu uma coligação. O partido já se definiu para apoiar o Alckmin. E ele respeita a posição do Josué e ficou feliz com o posicionamento”, colocou. Foto: Moreira Mariz/Agência Senado

Nenhum comentário:

Postar um comentário