.

.

20 de julho de 2018

Obras de melhoria do abastecimento motivam paralisação do Sistema Tapacurá por 48 horas

A companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) programou, na próxima semana, uma parada do Sistema Produtor Tapacurá para possibilitar obras de melhoria do abastecimento de água do Recife. A paralisação do sistema, o segundo maior da Região Metropolitana do Recife, vai durar 48 horas, inicia às 7h da terça-feira (24) e segue até às 7h da quinta-feira (26), suspendendo o fornecimento de água para bairros do Recife, exceto os localizados na Zona Sul da cidade (área atendida por outros sistemas), e também para dez localidades de Jaboatão dos Guararapes, dois de Olinda e todo município de Camaragibe. A parada foi planejada para dar continuidade às Obras de Setorização do Recife, um grande investimento que permite a divisão da rede de distribuição em setores distintos de abastecimento, instalação de equipamentos para controle de vazões e pressões, além de substituições de tubulações antigas ou subdimensionadas, ações que visam a melhoria do fornecimento de água e combate às perdas.

As obras que motivam a paralisação fazem parte de uma série de interligações da nova rede implantada em 14 bairros das Zonas Oeste e Norte do Recife. As intervenções serão realizadas no bairro das Graças, nas Ruas Amélia e Senador Alberto Paiva, por uma equipe de 15 técnicos. Os serviços ocorrerão próximo ao meio-fio da calçada, por este motivo, só será isolada uma faixa da pista, com interferência parcial no trânsito local. A área da obra será sinalizada, conforme orientações da CTTU (Companhia de Trânsito e Transporte Urbano do Recife). A Compesa ainda vai aproveitar a parada de Tapacurá para realizar manutenções preventivas nas unidades do sistema, como a Estação de Tratamento de Água (ETA) Castelo Branco, no Curado, e nas adutoras.

Outra intervenção importante será para trocar uma válvula de grande porte localizada em uma das adutoras dos Grandes Anéis de Distribuição do Recife, na Avenida Abdias de Carvalho, em frente ao Sport Club do Recife, no sentido BR-232. Além da equipe técnica, serão mobilizados para o local diversos equipamentos de grande porte, que farão a retirada da válvula antiga e a colocação do novo equipamento. Também haverá interdição parcial do trânsito no local, com o isolamento de uma das faixas da avenida, numa extensão de 20 metros, e sob a orientação da CTTU.

Na quinta-feira, após a conclusão dos serviços, o sistema voltará a funcionar com o restabelecimento do abastecimento de água para as áreas afetadas pela paralisação. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 0800 081 0195.
Todo projeto das Obras de Setorização da área plana do Recife é dividido em quatro lotes e recebe o investimento de R$139 milhões, recursos financiados pelo Governo do Estado e Compesa junto ao FGTS. As ações de setorização permitem o controle de pressões, através de implantação de válvulas redutoras de pressão, controle de vazões, com a instalação de macromedidores, além da implantação de novas tubulações.

Nenhum comentário:

Postar um comentário