.

.

8 de agosto de 2018

Reforma do Teatro Paulo Freire marca novo tempo na cultura do Paulista

Diante de uma plateia formada pelos artistas que vivenciam a cultura da cidade, o prefeito do Paulista, Junior Matuto, assinou nesta quarta-feira (08.08) a Ordem de Serviço da reforma do Teatro Paulo Freire, no Centro do município. Essa será a primeira obra desse porte após a inauguração da casa de espetáculos no mês de maio de 1944. O serviço, que vai custar R$ 270 mil aos cofres da prefeitura, já começa nesta quinta (09), inaugurando um novo tempo para o segmento cultural. A expectativa é de que a reforma seja concluída em até 180 dias.

O investimento realizado na obra vai garantir mudanças significativas na estrutura atual do teatro. Uma das principais vai ocorrer na fachada do imóvel, que passa a contar com um revestimento que dialoga com os aspectos arquitetônicos dos principais monumentos históricos da cidade, como a Igreja Matriz de Santa Isabel, as chaminés das antigas fábricas e o casarão da família Lundgren.

Além disso, o serviço vai contemplar outros aspectos importantes, como o aumento da inclinação das cadeiras da plateia; implantação de tratamento acústico nas paredes e o teto do espaço; construção de um mezanino; ampliação do hall de entrada e da bilheteria; ampliação e modernização dos camarins; ampliação e recuperação dos banheiros; e revitalização do telhado.

Após autorizar o início da obra, o prefeito Junior Matuto fez questão de ressaltar que a reforma do teatro vai além do compromisso com o segmento da cultura da cidade. “O que estamos fazendo aqui hoje é reafirmar o nosso comprometimento com Paulista. A reforma desse espaço não é um capricho, um instrumento de uma classe. Pelo contrário, estamos falando de um teatro com mais de 70 anos que faz parte da história do município. Isso é muito gratificante pra gente. O que nós queremos agora é que a cultura na nossa cidade comece a se propagar, inclusive, saindo daqui, entrando nas salas de aula, chegando aos nossos colaboradores e a população em geral. Em Paulista nós temos condições de produzir e consumir cultura”, destacou.

Presente ao evento, o ator Vinícius Coutinho, que sempre lutou pelas causas culturais na cidade, teceu elogios a gestão por conta da reforma do teatro. Ajoelhado, como forma de agradecimento, ele fez questão de dizer que o segmento está extremamente feliz. “Muita gente me acha chato. Mas eu não sou. O que eu queria é que esse teatro tão importante continuasse vivo, de pé. Por isso, hoje eu faço questão de dizer que o teatro de Pernambuco agradece de coração a você (Junior Matuto) e sua gestão por ter entrado de cabeça e acreditado nos artistas do Paulista e das outras cidades”, comemorou. 

A poetisa, escritora e membro da Academia de Letras e Artes do Paulista, Bernadete Serpa, reforçou o que disse o ator Vinícius Coutinho, destacando a sua relação e de muitos outros com o espaço. “Sou cria desse teatro. Desde os 15 anos estou envolvida com as coisas daqui. E hoje posso dizer que estou feliz em ver que uma gestão conseguiu enxergar a necessidade dos artistas e decidiu investir nessa reforma. Isso é muito importante para tantos que fazem cultura não só na nossa cidade”, disse.

O secretário de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Cultura, Fabiano Mendonça, destacou que a reforma vai ser apenas uma das novidades no teatro. “Estamos com um monte de coisas boas encaminhadas. A reforma é apenas uma delas. Tem também a chegada de novos equipamentos de iluminação cénica, que conseguimos junto à Fundação Nacional de Arte (Fenarte). Outra coisa importantíssima é a devolução do anexo do teatro, que foi cedido ao Tribunal Regional Eleitoral antes da gestão do prefeito Junior matuto. Isso é a prova que esse governo sempre esteve ao lado de quem faz arte e cultura na nossa cidade”, argumentou o gestor.

O evento no Teatro Paulo Freire também contou com a presença de secretários municipais, vereadores e moradores da cidade. Diversos artistas da cidade marcaram presença para prestigiar essa solenidade tão aguardada. 

CONTRIBUIÇÃO – O projeto da reforma do teatro foi elaborado por técnicos da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação do município. O secretário-executivo da pasta, Paulo Marenga, ficou encarregado de apresentar aos participantes do evento o que está planejado para o imóvel. A concepção da obra levou em consideração, inclusive, a contribuição de profissionais com larga experiência em teatro, como Roberto Costa, que foi convidado pela equipe da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Cultura para colaborar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário