.

.

9 de outubro de 2018

Beneficiários do CadÚnico podem ver sua situação cadastral na internet

Para facilitar o acesso do cidadão aos dados do Cadastro Único para Programas Sociais o Governo Federal foi criada a plataforma chamada Consulta Cidadão. A ferramenta, lançada pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário (MDS), permite que os beneficiários visualizem e imprimam um resumo das suas informações cadastrais, como o Número de Identificação Social, o NIS, de cada um dos integrantes da família, além de verificar data de cadastramento, pendências e a renda informada.


No Consulta Cidadão (https://aplicacoes.mds.gov.br/sagi/consulta_cidadao/) é possível imprimir informações que servem como comprovante de inscrição. O documento emitido é exigido, por exemplo, para participar de vários programas sociais. Antes, essas informações só eram emitidas nos CRAS e agora é possível ter acesso a elas na internet. A página Consulta Cidadão também está disponível por meio do Meu CadUnico, aplicativo para celulares com sistema Android e IOs.

A ferramenta funciona apenas como consulta de dados e do status cadastral. Não é possível fazer atualização das informações na base do Cadastro Único (CadÚnico) pela internet, mas ela facilita a vida de quem não tem certeza da data do último cadastramento, que deve ser realizado, no máximo, de dois em dois anos.

CadÚnico

O Cadastro Único é um instrumento que identifica as famílias de baixa renda permitindo que o governo tenha um conhecimento melhor da realidade socioeconômica da população e assim possa criar políticas públicas voltadas para melhoria desse público. 

Na base do CadÚnico são registrados alguns dados como, renda familiar, escolaridade, situação de trabalho, características da residência, mapeamento de área saneada. A partir destas informações ações são tomadas de acordo com a necessidade de cada localidade e de cada indivíduo, podendo alguns cidadãos ingressarem em programas da assistência social.

Para realizar a inscrição no CadÚnico ou fazer o recadastramento, o responsável familiar deve apresentar RG, CPF, Título de Eleitor, Carteira de Trabalho, comprovante de residência, certidão de nascimento dos filhos, além de declaração escolar dele e de todos os membros do grupo familiar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário