.

.

27 de outubro de 2018

Paulista fortalece política de segurança das pessoas com expansão do sistema de videomonitoramento

Desde que foram instaladas em pontos estratégicos da cidade, as 16 câmeras de videomonitoramento da Prefeitura do Paulista estão ajudando o município a garantir mais segurança às pessoas. Os equipamentos transmitem imagens em tempo real para uma central que conta com Guardas Municipais, Agentes de Trânsito e Policiais Militares, garantindo que o atendimento às ocorrências seja realizado de forma mais ágil e segura. O êxito desse trabalho fez com que a gestão municipal decidisse ampliar o sistema com mais 50 câmeras, que vão ficar espalhadas por diversos bairros, fortalecendo a política de segurança pública no município.

Nesta sexta-feira (26.10), os secretários municipais de Segurança Cidadã e Defesa Civil, Manoel Alencar, e o de Mobilidade e Administração das Regionais, José Rodrigues, firmaram contrato com a empresa que vai ficar responsável pela instalação das novas câmeras. A expectativa é de que o processo de implantação dos equipamentos tenha início na primeira quinzena de novembro e seja finalizado até o final deste ano. A expansão do serviço é fruto de uma parceria entre a gestão municipal, o Detran e o DER. Para garantir o pleno funcionamento do serviço, a prefeitura vai investir, em média, R$ 140 mil por mês.

A localização das novas câmeras já foi definida seguindo como critério a questão da segurança das pessoas nas ruas e também no trânsito. “Com essa expansão, a gestão do prefeito Junior Matuto consegue levar as câmeras para praticamente todos os bairros da cidade, inclusive, ampliando onde já tem. Essa é uma ação que não vai só aumentar a sensação segurança, mas trazer de fato segurança às pessoas”, comentou o secretário Manuel Alencar. Ele também reforçou que a ampliação do sistema de câmeras vai coibir crimes, como assaltos e arrombamentos. Desde a implantação do videomonitoramento, a área comercial e bancária do município – onde estão instaladas câmeras - não sofreu assaltos ou arrombamentos.

O secretário de Mobilidade e Administração das Regionais, José Rodrigues, ressaltou que o município também deve aproveitar os novos equipamentos na segurança viária. “Percebemos que as câmeras que usamos para monitorar o trânsito garantem mobilidade e agilidade no atendimento as ocorrências de acidentes, por exemplo. Temos alguns gargalos em alguns bairros que serão contemplados nessa ampliação do serviço, o que vai nos ajudar a construir um trânsito cada vez mais seguro”, disse.

Nenhum comentário:

Postar um comentário