.

.

26 de novembro de 2018

Técnicos do Criança Feliz fazem capacitação para atender famílias assistidas pelo Programa

Os agentes do Programa Crianças Feliz participaram, nesta segunda-feira (26.11), de uma formação em busca de aprender e se desenvolver mais para que o atendimento ao público seja cada vez mais aprimorado. A formação, dividida em três módulos, abordou o tema “Marcos do desenvolvimento fetal, uma perspectiva do cotidiano da visita domiciliar do Programa Criança Feliz” em seu primeiro encontro. 


O curso é realizado pela UNINABUCO e ministrado pela psicóloga, professora e especialista em ciência da educação, Fernanita Martins, que trabalhou a temática de forma didática, sempre incentivando a participação de todos. Ela também abordou temas como doença psicossomáticas, que são doenças onde a emoção retida é liberada pelo corpo através de enfermidades como gastrite, infarto e até a depressão.

Segundo Fernanita, o objetivo do curso é auxiliar os técnicos do Criança Feliz a estreitarem os laços com as famílias atendidas. “Esse curso trabalha a questão da afetividade. Aqui buscamos desenvolver mais a empatia nesses profissionais, para eles se colocarem no lugar dessa família e fazerem um trabalho com mais qualidade. Esse grupo que está aqui busca se qualificar e aprimorar mais a função deles, que precisam criar um vínculo entre a família e o Programa”, frisou.

A coordenadora do Criança Feliz, Ana Carla Paz, explicou o curso. “Em parceria com a UNINABUCO nós estamos fazendo um curso de três módulos de desenvolvimento infantil, voltado para as visitas domiciliares do Criança Feliz, que cuida da primeira infância pelo Sistema Único de Assistência Social”, pontuou.

O secretário de Políticas Sociais e Esportes do Paulista, Augusto Costa, destacou a importância desta iniciativa. “Um grande momento esse de capacitação dos nosso agentes que precisam ser formados e capacitados para atender cada vez melhor essas famílias”, disse.

Nenhum comentário:

Postar um comentário