.

.

24 de novembro de 2018

Meio Ambiente do Paulista notifica construções irregulares nas margens do Rio Timbó

Atendendo a uma determinação do Ministério Público de Pernambuco (MPPE), a equipe do Controle Ambiental da Prefeitura do Paulista visitou, na manhã desta quinta-feira (22.11), a Rua Doresópolis, no Loteamento Nossa Senhora da Conceição, para notificar os moradores que ergueram construções irregulares às margens do Rio Timbó.

Essa foi a última etapa da autuação realizada pelo município no local, já que a rua é muito extensa e precisou dividir por lotes, como explica a diretora do Núcleo de Fiscalização de Controle Ambiental, Fátima Amaral.

“Por se tratar de uma rua extensa, com muitas casas, decidimos dividir a lavratura do auto de infração por partes. Da primeira vez, conseguimos notificar 30 casas, desta vez a gente conclui o processo, apresentando a notificação a todos os moradores”, afirmou.

Os manguezais são um ecossistema, por isso a sua preservação é fundamental para minimizar qualquer tipo de prejuízo ambiental. As pessoas notificadas agora têm um prazo de 30 dias para apresentar uma defesa junto à Secretaria Municipal de Infraestrutura, Serviços Públicos e Meio Ambiente. 

A ação contou com o apoio da Guarda Municipal e da Defesa Civil. Cerca de 10 funcionários da Prefeitura estiveram envolvidos na iniciativa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário