.

.

19 de dezembro de 2019

Em Paulista, catadores de materiais recicláveis recebem kits com EPIs

Na tarde desta quarta-feira (18) catadores de materiais recicláveis do Paulista se reuniram no auditório do centro administrativo da Prefeitura, em Maranguape I, para receberem os kits com equipamentos de proteção individual (EPI). Eles fazem parte do curso de capacitação ofertado pela Prefeitura do Paulista em parceria com a empresa Recitec Tecnologia em Reciclagem, e o governo do estado de Pernambuco. Na ocasião, os trabalhadores ganharam 2 fardamentos, 2 pares de botas, luvas, coletes refletores, óculos de proteção, capas de chuva e protetores auricular.


Participaram da oficina cerca de 40 catadores de materiais recicláveis que atuam na cidade. O curso incentiva e treina os trabalhadores a se integrarem a cooperativas existentes, ou até mesmo formarem as próprias cooperativas de resíduos sólidos recicláveis na cidade.

Com o apoio do Núcleo de Sustentabilidade e a Secretaria de Trabalho e Emprego do Estado, durante as oficinas, os catadores se mostraram bem atentos e dispostos a aprender mais sobre a sua função e a importância deste tipo de trabalho.

A coordenadora do projeto da Recitec Tecnologia em Reciclagem, Silvania Cabral, explicou a iniciativa da ação. “Os trabalhadores saem daqui hoje com estes kits e durante as aulas eles também foram ensinados a utilizar corretamente os equipamentos, para quando eles forem para a rua serem mais bem identificados e a população saber que naquela localidade existe um catador que estará recolhendo seu material”, disse.

Herbert Andrade, coordenador do Núcleo de Sustentabilidade do Município, afirmou a importância dessa parceria em benefício dos catadores da cidade. “Os catadores de materiais recicláveis fazem um trabalho importantíssimo na cidade, e muitas vezes, não temos o levantamento estatístico de todos. Por isso, desde o começo do ano viemos desenvolvendo ações e valorizando esse trabalho junto ao governo do estado, para obtermos dados sobre eles e assim qualificá-los para melhor exercerem a profissão”, frisou.



“A questão desse curso aqui influencia o nosso conhecimento, com certeza. Já ganhamos certificados e hoje os kits com os materiais de trabalho. Por que precisamos de recursos para que a gente consiga montar outra cooperativa de materiais recicláveis aqui no município”, afirmou Gilmar do Nascimento, catador de Materiais Recicláveis, que participou da oficina e recebeu seu kit com os equipamentos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário