.

.

9 de janeiro de 2020

Junior Matuto planeja próximos passos do programa “Em Frente, Brasil

Após a publicação da portaria que estende a atuação da Força Nacional até o dia 24 de junho no Paulista, não se fala em outra coisa no município, a não ser melhorar ainda mais os resultados iniciais do programa. E para dar continuidade no planejamento estratégico que envolve o projeto, o prefeito Junior Matuto recebeu, nesta quinta-feira (09), em seu gabinete, no Centro, o secretário nacional adjunto de Segurança Pública, coronel Freiberg.


Na ocasião, foram apontadas algumas prioridades da gestão do município nesse segundo momento do programa. “Reunião produtiva, onde pudemos alinhar alguns detalhes desse segundo momento de atuação da Força Nacional no município. A ideia agora é levar, além do policiamento ostensivo, ações e projetos de cidadania para essas comunidades que tiveram intervenção da Força Nacional”, afirmou o Junior Matuto.

O prefeito ainda aproveitou a oportunidade para apresentar um ofício ao cel. Freiberg, solicitando investimentos do Governo Federal em áreas de lazer e convivência no Paulista. “Estamos vendo um importante engajamento do prefeito do Paulista nas ações do programa “Em Frente, Brasil”, e isso é importantíssimo. Ouvimos dele algumas necessidades do município, agora vamos levar a realidade de Paulista para Brasília e ver o que podemos atender de imediato”, afirmou o cel. Freiberg.

Com relação à diminuição nos índices de criminalidade violenta, o programa já é considerado um sucesso. Em balanço comparativo (de 2018 para 2019), divulgado pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública, é apontada uma queda de 37,4% no número de homicídios e 28,5% nos índices de roubos. Isso somando os 100 primeiros dias de atuação da Força Nacional (de 30 de agosto a 07 de dezembro) nos cinco municípios contemplados no programa “Em Frente, Brasil”. 

A reunião ainda contou com a participação de Francisco Padilha, chefe de gabinete do prefeito Junior Matuto; de Manoel Alencar, secretário municipal de Segurança Cidadã e Defesa Civil; e do Major Márcio, da Força Nacional.

Nenhum comentário:

Postar um comentário