.

.

8 de abril de 2020

Caixa Econômica disponibiliza app para solicitação do auxilio emergencial e população não precisa se dirigir ao CRAS para atualizar dados do CadÚnico

A Caixa Econômica Federal disponibilizou, nesta terça-feira (7), um aplicativo de celular que viabiliza a solicitação do auxilio emergencial de R$ 600 (podendo chegar aos R$ 1.200 reais). A medida é vista como uma proteção emergencial no período de enfrentamento à crise causada pela pandemia do Coronavírus - COVID 19. Quem estiver com o Cadastro Único desatualizado também será contemplado, por isso as pessoas não precisam sair de suas casas, em meio a pandemia, para atualizar o CadÚnico. 

O App CAIXA/Auxílio Emergencial, que pode ser baixado gratuitamente, funciona nos aparelhos com sistemas android e IOS. Por ele, o público que se encaixa nos requisitos para ter direito ao auxilio (maiores de 18 anos, informais, microempreendedores individuais MEI, contribuinte individual da Previdência Social, quem tem Cadastro Único e não recebe Bolsa Família) realiza e acompanha a solicitação do benefício.

O período de avaliação do Governo Federal dura cinco dias. As pessoas que estiverem cadastradas no Cadastro Único (CadÚnico) até o dia 20 de março de 2020, ou que sejam beneficiárias do Bolsa Família receberão o benefício automaticamente, sem precisar se cadastrar.

A expectativa do Governo Federal é de que entre 15 e 20 milhões de trabalhadores informais façam o cadastro para receber o benefício. O pagamento deve custar R$ 98,2 bilhões ao Governo Federal. A Caixa também disponibilizou o telefone 111 para tirar dúvidas dos trabalhadores sobre o auxílio emergencial. Não será possível se inscrever pelo telefone, apenas tirar dúvidas.

Por: Francisco Neto

Nenhum comentário:

Postar um comentário