.

.

19 de abril de 2020

Para evitar aglomeração, Paulista segue com operação de fiscalização no comércio local

Seguindo com as medidas restritivas de combate ao coronavírus na cidade, neste sábado (18.04), uma equipe da Diretoria de Controle Urbano (DCU) do Paulista, junto à policiais militares e guardas municipais visitaram diversos pontos do município. 

O trabalho começou pela manhã e percorreu os bairros do Engenho Maranguape, Tururu e Conceição, já à noite, a iniciativa que contou com o reforço dos bombeiros e agentes da Lei Seca, foi realizada no bairro de Maria Farinha. Nas ocasiões, estabelecimentos comerciais considerados não essenciais e que se encontravam abertos, como armarinhos, salões de beleza, bancas de apostas e espetinhos tiveram que fechar as portas. 

“O trabalho foi realizado de forma educativa, onde os donos dos estabelecimentos acataram sem resistência às regras, mas, caso haja reincidência, o poder público terá autonomia para atuar sobre as notificações, multas e até mesmo cancelamento de alvarás caso seja necessário”, afirmou Alberes Severino, representando à Secretaria de Desenvolvimento Urbano, Habitação e Meio Ambiente do Paulista.

A ação vai acontecer durante todo o final de semana e atuará no fechamento de estabelecimentos comerciais como lojas de aparelhos eletrônicos, salões de beleza e bancas de apostas, segundo determinação do Governo do Estado. Permanecem abertos os supermercados, padarias, supermercado, farmácias, postos de gasolina, casas de ração animal, depósitos de água mineral e gás, além de obras de serviços essenciais, como o hospital, abastecimento de água, gás, energia e internet. 

Você pode denunciar qualquer tipo de aglomeração no seu bairro, é só lugar para um desses números: 9. 9635-0392, 190 da Polícia Militar ou 153 da Guarda Municipal. 

Por: Francisco Neto

Nenhum comentário:

Postar um comentário