.

.

12 de maio de 2020

Pacientes com Covid-19 internados no Hospital de Campanha do Paulista poderão ligar para seus familiares

Inaugurado nesta segunda-feira (11), o Hospital de Campanha do Paulista, no Nobre, recebeu nesta terça-feira (12), da empresa Novetech Soluções Tecnológicas, a doação de cinco tablets que vão possibilitar a comunicação, por meio de videochamadas, entre os pacientes em tratamento da Covid-19 e seus familiares.

Com o uso da tecnologia, a equipe da Secretaria de Saúde do município acredita que pode diminuir os impactos negativos provocados pelo isolamento dos pacientes diagnosticados com a Covid-19, abrindo espaço também para que seus parentes acompanhem de perto suas evoluções clínicas, como afirma Maria Clara Rodrigues, sec. executiva de Saúde do Paulista.

“Faz parte do tratamento de um paciente infectado pelo novo coronavírus o distanciamento social. Alguns pacientes podem sentir a falta dos seus familiares neste período, a falta do acolhimento familiar. Os tablets vêm justamente com a proposta de oportunizar o contato entre o paciente e os seus parentes, seus familiares, porém, sem por em risco a saúde de quem não foi infectado”, explicou.

O familiar que tiver interesse em fazer contato com um paciente por meio da videochamada terá de manifestar esta intenção indo à administração do Hospital de Campanha para agendar um dia e horário para a realização da videochamada. Quem vai coordenar as videochamadas é a equipe da assistência psicossocial do Hospital de Campanha, composta por sete profissionais, sendo quatro psicólogos e três assistentes sociais. 

Pulseiras de Classificação de Risco.

Além de receber a doação dos cinco tablets que vão facilitar a comunicação entre os pacientes diagnosticados com a Covid-19 e seus familiares, a equipe da Secretaria de Saúde do Paulista recebeu a doação de mil pulseiras de classificação de risco que vão ajudar os profissionais da saúde a identificarem melhor a condição de cada paciente.

As pulseiras vão apontar a gravidade de cada paciente que der entrada nos serviços da Prontoclínica Torres Galvão (PTG). Através destas pulseiras, que são em cinco cores no total. A partir de cada cor, é possível saber o tempo que cada paciente pode aguardar para receber o atendimento.

Pulseira Vermelha: atendimento imediato;

Pulseira Amarela: espera de até 30 minutos;

Pulseira Verde: espera de até duas horas;

Pulseira Azul: espera de até quatro horas;

Pulseira Rosa: utilizada para indicar que o paciente tem alergia a algum tipo de medicamento.

Por: Francisco Neto

Nenhum comentário:

Postar um comentário