.

.

27 de julho de 2020

Moradores do Paulista ficam sem serviços de saúde e sem kit merenda escolar

A população do Paulista que precisou utilizar os serviços oferecidos pela Policlínica William Nascimento, no Conjunto Beira Mar, no Janga, na manhã desta segunda-feira (27.07), ficou frustrada. Os usuários encontraram as portas fechadas e nenhuma informação sobre o que causou este fechamento. Outras unidades também estão fechadas ou com o atendimento precário.

No município, diversos serviços públicos estão paralisados ou prejudicados por conta da demissão de todos os cargos comissionados ocorridos na semana passada, afetando, entre outras áreas, Saúde e da Educação.

Na saúde, o atendimento na Policlínica Adolfo Speck, em Arthur Lundgren I, ficou um caos nesta manhã. Muita gente sem conseguir sequer ser atendida. E para piorar: o laboratório do Hospital de Campanha, no Nobre, foi desativado sem nenhuma explicação.

Na educação, as famílias com alunos matriculados na rede municipal ficaram sem o kit merenda escolar. As demissões em massa resultaram na suspensão da distribuição dos alimentos. A entrega dessa nova remessa estava em andamento, mas foi interrompida prejudicando milhares de crianças e seus familiares.

Primeiro ato oficial do prefeito temporário, que concretizou as mais de 1,1 mil exonerações em apenas um ofício, prejudicando assim a transição de governo, necessária para garantir a continuidade dos serviços oferecidos, penalizando assim os moradores.

Por: Francisco Neto

Nenhum comentário:

Postar um comentário